quarta-feira 17 de abril de 2024

Daniel Alves

A medida polêmica do Barcelona após a condenação de Dani Alves

Lateral conquistou diversos títulos com a camisa blaugrana
terça-feira 27 de fevereiro de 2024 | 10:00hs.
Dani Alves em ação pelo Barcelona
Dani Alves em ação pelo Barcelona

Daniel Alves fez história no Barcelona. Foram duas passagens pelo clube catalão, sendo a primeira entre 2009 e 2016, e a segunda entre 2021 e 2022. Foram 408 jogos ao todo, com 22 gols marcados e “apenas” 23 títulos conquistados, sendo o jogador mais vitorioso da história blaugrana, ao lado do argentino Lionel Messi, hoje no Inter Miami. Porém, a situação do brasileiro ultimamente é de chocar.

Lee también: Ganhou a Libertadores, foi ídolo no Flamengo e agora toma decisão surpreendente

 Desde o dia 20 de janeiro de 2023, o lateral-direito está preso no Complexo Penitenciário Brians II, nos arredores de Barcelona. E na última quinta-feira (22), o jogador foi condenado a quatro anos de prisão em regime fechado por crime de violência íntima contra uma jovem de 23 anos de idade, na noite do dia 30 de dezembro de 2022, na Boate Sutton. O jogador forçou a moça a manter relações íntimas com ele, sem o consentimento dela.

Daniel Alves completa 400 partidas com a camisa do Barcelona - GQ | GQ  Esporte Clube
Daniel Alves teve duas passagens pelo Barcelona

A acusação, representada pela advogada Ester García López, havia solicitado à juíza e aos promotores que fosse aplicada a pena máxima prevista para esse crime na Espanha, que é de 12 anos de prisão em regime fechado. Porém, o pagamento de R$ 800 mil por parte de Daniel serviu para atenuar a pena. Ainda cabe recurso para a defesa do jogador tentar anular a condenação.

Lee también: A polêmica declaração de jornalista brasileiro após a condenação de Dani Alves: sobrou até para Robinho

Assim como o Bahia, clube que o revelou para o futebol, o Barça também tomou uma drástica atitude e retirou o nome de Daniel Alves do quadro de lendas do clube. A lista de lendas do clube contém 102 nomes, e alguns brasileiros como Giovanni, Rivaldo, Belletti, Edmílson e Ronaldinho Gaúcho, por exemplo.