sexta-feira 12 de abril de 2024

Fluminense

Fluminense x Olimpia: onde assistir AO VIVO e escalações pela Copa Libertadores 2023

Tricolor busca voltar a disputar uma semifinal de Libertadores depois de 15 anos
terça-feira 29 de agosto de 2023 | 21:02hs.
Fluminense pode voltar a uma semifinal de Libertadores depois de 15 anos
Fluminense pode voltar a uma semifinal de Libertadores depois de 15 anos

Depois de 15 anos, o Fluminense pode voltar a disputar uma semifinal de Libertadores da América. No primeiro jogo, o Tricolor das Laranjeiras venceu o Olímpia-PAR por 2 a 0 no Maracanã, e leva uma ótima vantagem para o jogo de volta em Assunção, na próxima quinta-feira (31). O time comandado por Fernando Diniz pode perder por até um gol de diferença, que ainda assim se classifica.

Para os tricampeões passarem, precisarão marcar três gols e não sofrer nenhum. Caso vença por 2 a 0 ou por qualquer placar com a diferença de dois gols, o Olímpia decidirá a vaga nos pênaltis. Quando enfrentou o Flamengo nas oitavas, o time paraguaio perdeu por 1 a 0 no Rio de Janeiro, e contou com a força do Defensores del Chaco para vencer o atual campeão continental por 3 a 1 e ficar com a vaga.

casdg
Germán Cano marcou um dos gols do Fluminense contra o Olímpia, no Rio de Janeiro

Caso o Flu consiga avançar às semifinais, alguns jogadores precisam ficar atentos pra não levar mais um cartão amarelo no Paraguai: são os casos do zagueiro Nino e do atacante John Kennedy, que possuem dois cartões cada. John Arias, Felipe Melo, Samuel Xavier e Lelê levaram apenas um cartão. O jogo terá transmissão da ESPN e do Star+ no Brasil.

Em busca da semifinal depois de 15 anos

Em busca de um feito histórico, o Fluminense de Fernando Diniz, técnico interino da Seleção Brasileira, deverá ir a campo com Fábio, Samuel Xavier, Nino, Felipe Melo e Diogo Barbosa. André, John Arias e Paulo Henrique Ganso. Keno, Cano e John Kennedy. Do atual elenco do Tricolor, Felipe Melo (2020 e 2021) e Ganso (2011) já conquistaram a Libertadores. Caso avance, o Flu enfrenta o vencedor do confronto entre Bolívar-BOLInternacional.

Temas de esta nota